Ação Prioritária é o programa que desenvolve a construção de projetos que correspondem ao resultado do Concurso OPPTA ou à iniciativa do Observatório Pan-Americano.

Se o resultado do concurso é a execução, o júri convidado em cada edição nomeará os projetos candidatos em função da qualidade, viabilidade e acordo com o tema proposto. Depois, nos Debates Ativos, se definirão os vencedores e começaram as gestões necessárias para a sua realização.

A segunda via de atuação surge das investigações desenvolvidas pelo Comitê Técnico e Cientifico do Observatório Pan-Americano para intervir em situações que necessitem uma ação imediata. A partir disso, se apresentam os projetos e começa o processo de gestão com os municípios, instituições publicas ou privadas e os agentes sociais para estudar a sua viabilidade e concretizar a execução do projeto.

O programa completa o ciclo de sinergias geradas pelo Concurso (investigação e propostas) através do desenvolvimento, da construção e da realização dos projetos vencedores.

Cada projeto reúne profissionais, instituições, municípios, voluntários, pesquisadores, empresas locais e internacionais,… coordenando planos e agentes para a ação simultânea e em conjunto de atores multidisciplinares.

O projeto favorece um campo de trabalho no qual, testar e cooperar no desenvolvimento da proposta  poderá promover, também, o desenvolvimento de protótipos construtivos que reforcem as investigações em curso e que, complementem as políticas de intervenção - publicas e privadas - contribuindo á coesão de objetivos.


JR in the favelas of Río, autor: xbootsx, publicado en: photobucket. HIS-0804-064-54, autor: Rodney Smith.